Quase 200 são presos em Hong Kong durante protesto contra China

“Estou com medo de ir para a prisão, mas por justiça tenho que vir hoje, tenho que me manifestar”, diz cidadão de Hong Kong. A polícia de Hong Kong usou canhões de água e gás lacrimogêneo para conter, nesta quarta-feira (1º), protestos contra a nova lei de segurança nacional introduzida pelo regime comunista da China. […] Leia no site da RENOVA Mídia » Quase 200 são presos em Hong Kong durante protesto contra China

Quase 200 são presos em Hong Kong durante protesto contra China
“Estou com medo de ir para a prisão, mas por justiça tenho que vir hoje, tenho que me manifestar”, diz cidadão de Hong Kong. A polícia de Hong Kong usou canhões de água e gás lacrimogêneo para conter, nesta quarta-feira (1º), protestos contra a nova lei de segurança nacional introduzida pelo regime comunista da China. Críticos apontam que a legislação almeja sufocar a dissidência. A atitude das forças de segurança mostra que a intenção é realmente essa. Afinal, quase 200 manifestantes foram presos no protesto. O batalhão de choque também usou spray de pimenta e disparou balas de borracha enquanto a multidão tomou as ruas bradando “resistam até o fim” e “independência para Hong Kong”. A controversa nova legislação punirá os crimes de secessão, subversão, terrorismo e conluio com forças estrangeiras até com prisão perpétua. O texto também abre caminho para agências de segurança se instalarem em Hong Kong pela primeira vez e permite a extradição à China continental para julgamentos. “Estou com medo de ir para a prisão, mas por justiça tenho que vir hoje, tenho que me manifestar”, disse um homem de 35 anos que se identificou como Seth. Referências: [1] Leia no site da RENOVA Mídia » Quase 200 são presos em Hong Kong durante protesto contra China