China rejeita embargo de armas dos EUA ao Irã

EUA deixou o acordo nuclear com o Irã em 2018. China utiliza essa saída como justificativa para impedir embargo. A China considera que os Estados Unidos não têm mais o direito de impor novas sanções internacionais das Nações Unidas sobre o Irã.  Durante uma videoconferência do Conselho de Segurança da ONU, nesta terça-feira (30), o […] Leia no site da RENOVA Mídia » China rejeita embargo de armas dos EUA ao Irã

China rejeita embargo de armas dos EUA ao Irã
EUA deixou o acordo nuclear com o Irã em 2018. China utiliza essa saída como justificativa para impedir embargo. A China considera que os Estados Unidos não têm mais o direito de impor novas sanções internacionais das Nações Unidas sobre o Irã.  Durante uma videoconferência do Conselho de Segurança da ONU, nesta terça-feira (30), o embaixador chinês Zhang Jun afirmou: “A China se opõe à pressão dos Estados Unidos para estender o embargo de armas.” Jun insistiu que o governo Donald Trump não pode pedir novas sanções internacionais contra Teerã: “Depois de deixar o JCPOA, os Estados Unidos não são mais membros [deste acordo nuclear] e não têm mais o direito.” Referências: [1] Leia no site da RENOVA Mídia » China rejeita embargo de armas dos EUA ao Irã